COMO COMBATER O MOSQUITO DA DENGUE EM SEU ORQUIDÁRIO

                                                            
Apesar da matéria não focar o cultivo de orquídeas, esta indiretamente lida com questões de saúde pública uma vez que irrigamos nossas orquídeas e ao fazê-lo corremos o risco de que a água ao escorrer emposse e vire um criadouro do mosquisto da dengue. Além das belas orquídeas sempre há um lugar para uma bromélia. Esta sim devemos nos preocupar devido ao seu cálice que está sempre com água. Tomando por base isto achei muito interessante a matéria e publiquei aqui no blog.
Uma substância chamada Eugenol, encontrada no cravo-da-índia, tem a capacidade de combater larvas de mosquito da dengue. A descoberta foi feita por pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), que conseguiram se livrar das larvas do mosquito em 24 horas usando a especiaria.
A utilização da substância como um agente antipragas não é uma novidade, mas sim a sua eficácia contra o Aedes Egypti. O Inpa foi pioneiro em experimentar a capacidade característica da substância na prevenção do mosquito da dengue.
A fórmula está em processo de patente, mas é bem simples e pode ser feita em casa: basta  bater no liquidificador 60 botões de cravo com uma xícara de água. É a concentração ideal para manter o efeito do Eugenol. Não precisa peneirar. A mistura deve ser guardada na geladeira por até um ano.
A pesquisadora do Inpa, Ilea Brandão Rodrigues afirma que a aplicação também é simples. "Em pratos pequenos de 15 centímetros, serão aplicadas três gotas. Para pratos médios, o número de gotas a ser aplicadas passa de quatro. A mistura tem um efeito de aproximadamente 14 dias", explicou.
A pesquisadora explica ainda que até mesmo nos reservatórios de água o produto pode ser usado, porque o cravinho é comestível. "Com isso, qualquer pessoa pode lançar mão que funciona", garante.
Os testes foram feitos em várias casas, como a do cozinheiro Gilson Brasil, que aprovou a fórmula do cravo e manteve outros cuidados de prevenção. "As garrafas, se tiver, sempre de boca para baixo. Jogar sempre a água que fica embaixo do vaso. Essa fórmula ajuda a matar mesmo as larvas", disse.

Clique aqui e assista `a matéria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts