PRONUNCIANDO CORRETAMENTE OS NOMES DAS ORQUÍDEAS


     A maioria dos nomes dos gêneros e espécies das orquídeas procede
não só do latim como também do grego. Mas no seu livro, ele nos diz
que "muitas letras do alfabeto grego pronunciam-se como as
correspondentes do alfabeto latino...” (grego-latinizado).
     Algumas normas práticas segundo o livro "A ETIMOLOGIA A SERVIÇO
“DOS ORQUIDÓFILOS” volume I de Pe. José González Raposo, C.M.F.:
--CONSOANTES:
A letra ‘X’ tem sempre o som cs. Exemplos:
xánthina = csántina
chrysotóxum= chrysotócsum
O ‘CH’ pronuncia-se como k. Exemplos:
chocoénsis = kocoénsis
Dichæa = Dikéa
Dendrochílum-= Dendrokílum
A sílaba ti, quando seguida de vogal, soa como ci. Exemplos:
Binotia = Binócia
Blétia = Blécia
martiána = marciána
Mas a sílaba ti precedida de s, x, t pronuncia-se como ti em português.
Exemplo: Comparéttia = Comparettia
O ph soa como f. Exemplos: Phragmipédium = Fragmipédium
Phymatídium =Fimatídium.
· DITONGOS Æ e oe pronunciam-se e. Exemplos:
Lælia = Lélia
triánæ = triáne
Coeloglóssum =Celoglóssum
Æónia = Eónia
Quando ‘a’ e ‘e’ não formam ditongos, devem ser pronunciados
distintamente, neste caso deve-se colocar um trema sobre o ‘e’.
Exemplos:
Aërángis, Aëránthes, Aërides.
No latim quando se forma um ditongo Æ, æ ficam juntos e se pronuncia
e; e quando não formam ditongo estão separadas.
· ACENTUAÇÃO DO LATIM
No latim apenas a penúltima e a antepenúltima sílabas levam
acentuação tônica, ou seja, palavras paroxítonas e proparoxítonas.
Exemplos: anceps = ánceps
Colax = Cólax
LOCALIZANDO A SÍLABA TÔNICA EM PALAVRAS DE MAIS DE DUAS
SÍLABAS:
a) A que serve de base para localizar a tônica é sempre a penúltima:
b) Se a vogal dessa sílaba for seguida de x ou z ou de duas consoantes
duplas (ll, tt) ou de duas simples (nt, sc...), a tônica será nesta mesma
sílaba. Exemplos: Bulbophýllum , Polyrhízia, chysotóxum, Scaphyglóttis,
colóssus, rufescéns, flavéscens, pubéscens, nigréscens, albéscens, e
outros terminados em scens.
c) Se na penúltima houver ditongo: æ = e, oe = e, au, eu, e, ei, oi, ui, a
tônica estará também nesta sílaba. Exemplos:
Promenæa = Promenéa
Dichæa = Dikéa
amoenum = aménum
d) Se a vogal da penúltima sílaba for seguida de outra vogal (da última
sílaba), o acento tônico estará na antepenúltima, Exemplos:
Stanhópea = Stan-hó-pe-a
Blétia = Blé-ti-a = Blécia
Loddigésii = Lod-di-gé-si-i
Neomóre = Ne-o-mó-re-a
Cymbídium = Cym-bí-di-um
e) O i pode influenciar na acentuação quando estiver na penúltima
sílaba. Exemplo:
longipes deverá pronunciar como proparoxítona = lóngipes.
Nos compostos de color o acento deverá estar na antepenúltima.
Exemplos:
bícolor, díscolor, trícolor unícolor, cóncolor.
f) O sufixo inus das palavras latina deverão ser pronunciadas como
paroxítona.
Exemplos: matutína, velutína, tigrínum, lilacínus.
Mas nas palavras derivadas do grego deverão ser pronunciadas como
proparoxítonas.
Exemplos:
cinnabárina, xánthina, tyriánthina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts