O Perfume das Orquídeas.


J´Adore. A fragrância contém notas de cabeça à base de magnólia, melão, pêssego, bergamota, pera e mandarina, que harmonizam com as notas de coração feitas de rosas, lírio do vale, jasmim, frésia, orquídea, violeta, ameixa e tuberosa. O delicioso buquê aromático finaliza com as notas de base de amora, cedro, baunilha e almíscar.
Desde tempos remotos, as orquídeas têm conquistado o homem com sua beleza e incrível variedade de cores e intrigantes formas e usam até de armadilhas engenhosas para atraírem agentes polinizadores. Como não só isso bastasse nos atraem com os seus estonteantes perfumes que embriagam nossos sentidos.

As orquídeas exalam os mais diferenciados tipos de flagrância. Desde os mais os agradáveis, como os perfumes doces e frutados, até os mais inusitados ou mesmo intoleráveis, como odores de carne em putrefação e peixe, na tentativa de atraírem agentes polinizadores das mais variadas espécies. Veremos alguns exemplos de espécies e seus respectivos aromas.

Perfume doce        
                           
A orquídea Dendrochillum glumaceum originária das Filipinas com suas pequenas flores medindo 2 cm, que penduram por aproximadamente 10 dias e apresentam em forma de cascatas ou cachos. Esta delicada espécie floresce durante o inverno e a primavera exalando o seu perfume doce.
Outra espécie bem conhecida nossa e que vegeta as nossas matas são as Laelias lobata, que apresentam com grandes flores que chegam a medir 10 cm e duram 20 dias. Florescem na primavera e no verão. Já a sua prima Laelia cripa que tem uma única folha e pseudobulbo alongado cilíndrico. Sua haste floral chega a ter de quatro a nove flores medindo cerca de 10 cm. Destaca-se pelo seu labelo crispado com belas colorações púrpuras.

Cítricos

Aquele aroma suave de frutas cítricas é sentido em algumas espécies de Oncidium, como é o caso de Oncidium gardneri e Oncidium crispum espécies originárias Brasil.
Rhynchostylis gigantea originária da Ásia de crescimento monopodial, que não tolera temperaturas abaixo de 14º célsius. Suas flores liberam um forte aroma cítrico.

Canela e baunilha

Cattleya walkeriana está linda espécie que não pode faltar numa coleção e seus híbridos exalam um perfume diminuto que tem um relaxante cheiro de canela e baunilha.
Phalaenopsis violácea é uma espécie de orquídea de médio porte endêmica das ilhas Andaman e Nicobar do noroeste da Sumatra, apresenta belas flores com 3,5 cm de largura e fragrância de canela.
Vanilla planifólia com flores que duram apenas um dia, mas que durante esse tempo lançam no ar sua doce fragrância de baunilha. É desta orquídea que se extrai a famosa baunilha que é muito empregada na culinária.

Jacinto e cheirinho de bebê

Zygopetalum espécie de orquídea que vegeta a América do Sul, onde no Brasil se encontra todas as espécies. Vive em locais húmido a baixa e média altitude e cresce tanto no solo das florestas como em fissuras de rochedos e em árvores.  Tem uma fragrância que vai do jacinto aquele cheirinho de bebê dependendo da variedade.

Coco

Maxillaria tenuifolia é uma espécie originária do México. Suas flores, quase sempre vermelho escuras, florescem na primavera, com 4 cm de diâmetro, com floração que dura uma semana. Exala um perfume característico ao aroma de uma fruta tropical muito conhecida que é o coco.

Cânfora

Peristeria elata, é considerada pelos panamenhos como flor símbolo do seu país. O seu labelo chama a atenção por lembra uma pomba, que por esta causa também recebe o nome de “orquídea-pombo”. Possuem flores com 5 cm de diâmetro.

Uva

Spathoclottis gênero de orquídea terrestres originária da Índia, Indonésia e Malásia, com aproximadamente 40 espécies. Com haste floral alta e flores de porte grande e coloração amarelo forte. A planta chega alcançar 60 cm de alturas. Suas flores tem um delicioso cheiro de uvas.

Chocolate

Este irresistível e delicioso cheiro deixa qualquer amante de chocolate louco por ter um exemplar em sua casa. Esta orquídea é a Oncidium Sherry Baby, um híbrido que apresenta flores de cor vinho, em uma longa haste floral.

Rosa

Miltoniopsis santanaei é uma pequena orquídea que possui flores brancas com um maravilho cheiro de rosas. Vegeta as matas da Venezuela, Colômbia, Equador, Peru e Brasil, encontrados em matas alagadas e úmidas. Floresce no verão.

Carne

As orquídeas do gênero Bulbophillum fletcherianum, planta rara e nativa da Ásia. Possui bulbos que tingem 20 cm e folhas que chegam a 1 m de comprimento. Com flores vermelhas que se apresentam em cachos exalam um cheiro de carne em putrefação que atrai um tipo de mosca varejeira que a poliniza.

Peixe

Bifrenaria é um gênero de orquídea com cerca de vinte espécies originárias do Panamá e Brasil, com flores e folhas cerosas e brilhantes, com labelo peludo e de várias cores. Exala um discreto cheiro de peixe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Popular Posts